16.11.17

No restaurante Topo cabe a Ásia toda

Topo, Martim Moniz

No Martim Moniz cruzam-se rotas de continentes distantes e gentes de países longínquos: são cores, sabores e a cacofonia de ingredientes e receitas de um mundo que se encontra diariamente numa praça lisboeta. Para chegar ao Topo, sobre-se ao 6º andar em busca de vistas deslumbrantes e fantásticos cocktails. Já lá em cima vira-se à direita para comer a melhor sopa Tom Yum da cidade e entrar na cozinha comandada pelo chef Ricardo Benedito. Da sala para o espaço aberto onde a magia acontece, encontramos olhares concentrados que pertencem a três mulheres orientais, duas indonésias e uma vietnamita, e que são frequentemente acompanhados de um sorriso. É das mãos delas que saem os pratos bonitos que chegam à nossa mesa e que prometem uma viagem pela Ásia.

Para começar, o mais famoso dos pães orientais. Cada bao, barrado com manteiga de wasabi, é recheado com cebola crocante e hortelã e servido nos cestos de bambu que ajudam a criar a ilusão de estarmos de partida para longe. Numa tábua com um mix de entradas emparelham-se spring rolls de frango com rolinhos vietnamitas, vegetarianos e de peixe, na companhia de gyozas de vegetais (picantes) e outras de porco, ao lado de gambas inteiras embrulhadas em massa crocante. Ao centro, um conjunto de molhos, agridoce, sweet chilli ou soja para combinar com as entradas. Sem ser capaz de eleger uma predilecta e ainda a lamber os dedos, culpa-se a expectativa criada em torno da chegada das tigelas de "caldo fresco e picante, com camarão, lulas, amêijoas e massa de arroz". De seu nome Tom Yum, a mais deliciosa sopa tailandesa, é tudo que se esperava. E mais.

Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz


Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz

Da Tailândia para a Indonésia, em passo firme, para um Nasi Goreng (arroz frito misturado com vegetais, frango e ovo estrelado) que é mais fácil de comer que de fotografar. No copo, não há como não gostar do cocktail Rak Khun, uma combinação certeira de gin e chá verde com sumo de lima e manjericão.

Com a barriga cheia quase passo o prato que se segue e que nos leva de novo para o Vietname: o Pho Beef é um caldo aromático de ervas com fatias de bife do lombo muito finas que cozem com o calor residual. Em boa hora disse sim ao caldo intenso e reconfortante que me foi servido. Com as noites de Inverno a chegarem, desconfio que há-de ser conforto para muitos que escolham esta sopa vietnamita.

Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz Topo, Martim Moniz
Faz-se tarde e com muita pena não tenho tempo para as sobremesas. Enquanto me despeço dos cozinheiros pela bancada da cozinha, prepara-se o crème brûlée de erva-príncipe, o cheesecake de gengibre e o bolo esponjoso de pandam com gelado de yuzu. Entre agradecimentos pela refeição e pela viagem, a mão rápida do chef Ricardo Benedito passa-me uma colher do misterioso bolo e, com a promessa de voltar em breve, vou em busca do elevador que me devolve ao Martim Moniz. Não me sai da memória o aroma único das folhas pandam.

--
TOPO Oriental
Centro Comercial Martim Moniz, Piso 6
Mouraria,
Lisboa

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!